Recreio
Zoo / Animais

Dromedário e camelo: Conheça qual é a diferença entre estes animais

Descubra de uma vez por todas como diferenciar estes bichos tão parecidos

Letícia Yazbek Publicado em 07/05/2021, às 10h00 - Atualizado às 14h40

Camelos e dromedários na Jordânia - Pixabay
Camelos e dromedários na Jordânia - Pixabay

O camelo e o dromedário fazem parte da mesma família, a Camelidae, e são mesmo muito parecidos. Eles surigiram a partir de um mesmo ancestral, que vivia na América do Norte há 40 milhões de anos. Mas esses dois animais têm algumas diferenças!

Enquanto o camelo é encontrado apenas na Ásia Central — principalmente no deserto de Gobi, na China, e na Mongólia —, o dromedário, também chamado de camelo árabe, vive na África e no Oriente Médio — é ele que habita o deserto do Saara.

Eles também têm uma diferença física bem visível: o camelo apresenta duas corcovas, formadas por depósitos de gordura, e o dromedário tem apenas uma. Além disso, o camelo tem pernas mais curtas e costuma ter pelos mais longos e vistosos, principalmente no dorso e na cabeça. Quando está frio, essa pelagem pode ficar bem longa e até chegar ao chão. Já o dromedário tem o corpo coberto por uma pelagem curta.

As duas espécies estão adaptadas à vida no deserto: elas conseguem reter líquidos e armazenar gordura, além de ficar longos períodos sem beber água e percorrer grandes distâncias. As patas são adaptadas para o solo arenoso do deserto.

Atualmente, não há mais dromedários selvagens — todos eles já foram domesticados ou retornaram ao habitat natural após a domesticação. Já os camelos estão ameaçados de extinção, mas ainda podem ser encontrados na natureza.