Recreio
Busca
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Entretenimento / FIFTY FIFTY

ATTRAKT processa Saena, Sio e Aran, ex-membros do FIFTY FIFTY

Saena, Sio e Aran deixaram oficialmente o FIFTY FIFTY em outubro deste ano, após o encerramento de seus contratos exclusivos. Entenda o caso!

Redação Publicado em 19/12/2023, às 11h53 - Atualizado em 21/12/2023, às 11h07

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Saena, Sio e Aran, ex-membros do FIFTY FIFTY - Divulgação/ATTRAKT
Saena, Sio e Aran, ex-membros do FIFTY FIFTY - Divulgação/ATTRAKT

Mais um capítulo para a história! Na última terça-feira, 19, uma fonte da ATTRAKT, empresa responsável por criar o FIFTY FIFTY, girlgroup conhecido por seu hit "Cupid", anunciou que a agência está apresentando uma queixa contra Saena, Sio e Aran, ex-membros do grupo, devido à quebra de contrato, e ao The Givers, por participação na quebra. A fonte disse: 

“Entramos com ações civis contra os ex-membros do FIFTY FIFTY, Saena, Sio e Aran, para compensação de danos e penalidades por violação de contratos exclusivos, Ahn Sung Il e Baek Jin Sil dos The Givers por se envolverem ativamente na violação injusta de contratos de exclusividade, e aos pais dos três membros pela indenização por danos causados ​​por atividades ilegais conjuntas.”

Segundo o relatório, conforme repercutido pelo portal Soompi, a ATTRAKT estaria pedindo como indenização cerca de 13 bilhões de wons (aproximadamente 49 milhões de reais).

Em nota, o advogado responsável pela agência, Park Jae Heon da Lee & Ko, disse que “Este processo vai além da simples compensação por danos e faremos o nosso melhor para levar a frente este processo, tendo em mente que esta é uma oportunidade importante para estabelecer práticas comerciais justas no setor de entretenimento”.

Caso FIFTY FIFTY

Vale lembrar que a disputa judicial entre o FIFTY FIFTY e a ATTRAKT começou no mês de junho, quando a empresa responsável por formar o grupo acusou a Warner Music Korea de tentar manipular as integrantes para romper seus contratos de exclusividade.

No mesmo mês, as quatro integrantes, Aran, Keena, Saena e Sio entraram com um pedido judicial para a suspensão dos contratos. Em julho, aconteceu uma tentativa de mediação entre as partes, que não foi bem sucedida.

Já em agosto, o pedido apresentado pelas membros foi negado pelo Tribunal Distrital Central de Seul, mas logo a decisão foi apelada. Pouco tempo depois, em outubro, Keena decidiu cancelar o recurso e manter seu contrato com a ATTRAKT, enquanto as outras integrantes seguiram na batalha judicial.

O contrato exclusivo de Saena, Sio e Aran foram encerrados oficialmente no dia 19 de outubro. No mesmo mês, a ATTRAKT anunciou que o FIFTY FIFTY será reformulado e reapresentado ao público com três novas integrantes, ao lado de Keena. A identidade das novas idols ainda não foram reveladas.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!