Recreio
Corpo Humano / Reações

Por que o nosso corpo formiga?

De vez em quando, acontece com todo mundo: pés, mãos ou dedos ficam dormentes. Entenda de onde vem essa sensação

Maria Carolina Cristianini Publicado em 04/05/2020, às 10h00 - Atualizado às 19h08

Getty Images
Getty Images

Sentou em cima do pé por muito tempo? Ou dormiu sobre uma das mãos? Em seguida, é quase certo: lá vem aquele formigamento chato! Isso rola sempre que os nervos e os vasos sanguíneos de uma região do corpo são pressionados. A sensação ruim funciona como um sinal para você mudar de posição, evitando que a pressão continue por muito tempo. E não precisa se assustar! Basta movimentar a área dormente que, em poucos minutos, tudo volta ao normal.

Funciona assim: Quando você senta em cima do pé (ou dorme sobre uma das mãos), o peso do corpo causa pressão nos nervos da região. Depois de um tempo sendo apertados, esses nervos reagem produzindo um pouco da sensação de dormência.

A pressão também chega aos vasos sanguíneos: o sangue tem dificuldade de chegar à região e os músculos recebem menos oxigênio (que deveria vir junto com o sangue).

Com a falta de oxigênio, as células musculares liberam uma substância chamada lactato, que interfere ainda mais no funcionamento dos nervos. Tudo isso chega ao cérebro em forma de impulsos elétricos confusos.

Percebendo que há algo de errado, o cérebro reage causando ainda mais formigamento. É como se ele desse um aviso para você: “Mexa-se!”. E é isso mesmo que você deve fazer. Assim, em pouco tempo, a sensação vai embora.

Formigamento nas mãos, braços, pernas ou pés é normal quando acontece de vez em quando, e passa logo. Em caso de sensação constante de dormência em alguma parte do corpo, converse com seus pais para procurar um médico e investigar se a causa não é um problema de saúde.