Recreio
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio

4 fatos revelados pelo BLACKPINK em recente entrevista

De bastidores da época de trainee a questionamentos sobre o debut solo: Veja algumas das revelações feitas pelas integrantes do BLACKPINK

Daniela Bazi Publicado em 01/06/2022, às 15h37

Integrantes do BLACKPINK no clipe de How You Like That - Divulgação/YG Entertainment
Integrantes do BLACKPINK no clipe de How You Like That - Divulgação/YG Entertainment

Na semana passada, o BLACKPINK foi anunciado como as grandes estrelas da capa do mês de junho da revista Rolling Stone, onde, através de entrevistas individuais e em grupo, Jisoo, Jennie, Rosé e Lisa abriram seus corações e realizaram algumas revelações inéditas sobre suas carreiras, além de refletirem um pouco mais sobre o futuro.

Confira algumas revelações realizadas pelas integrantes do BLACKPINK durante a entrevista!

1. Processo de traine

Todo fã de k-pop sabe que o período de trainee que os idols precisam enfrentar não são nem um pouco fáceis, e as membros do BLACKPINK relembraram suas experiências durante a época de treinamento na YG Entertainment. Para Jennie, o único foco que existia naquele momento era estrear.

“Estávamos em modo de sobrevivência. Todos os meses, nossos amigos eram obrigados a ir embora, ir para casa. Estar estressado? Ter dificuldade? Esses sentimentos eram um luxo. Tudo o que importava era debutar", desabafou.

Lisa e Rosé também revelaram que, por estarem longe de suas famílias na Tailândia e Austrália, o tempo de treinamento também se tornou extremamente complicado para ambas. "Eu ligava para minha mãe, querendo desistir, e ela dizia para eu aguentar apenas mais um ano", afirma Lisa.

"Sempre que estava tendo um momento difícil, eu ia para o banheiro, chorava e partia para a próxima”, revelou Rosé. “Eu estava no piloto automático. Se você me pedisse para fazer tudo de novo, eu não conseguiria".


2. Solo da Jisoo

Sendo a única integrante que ainda não debutou como solista, existe uma enorme expectativa para o primeiro lançamento solo de Jisoo — e ela sabe disso. No entanto, durante a entrevista, a integrante mais velha do BLACKPINK revelou que ainda não tem certeza se quer ir solo, além de ainda não saber qual tipo de música ela gostaria de fazer.

“Não tenho certeza se quero fazer solo ainda. A música que eu escuto, a música que eu posso fazer e a música que eu quero fazer — como eu deveria escolher?", questiona.

Jisoo finaliza afirmando “Eu amo músicas com muitos instrumentos. Amo diferentes bandas e músicas de rock. O que as pessoas querem de mim? Há um caos de perguntas conflitantes. Então eu ainda estou inclinando minha cabeça em confusão. Não tenho certeza do que acontecerá com meus planos solo este ano".


3. Conversas sobre o fim do grupo

O disband do seu grupo favorito é um dos maiores pesadelos de todo fã de k-pop, e o fim do BLACKPINK foi um dos assuntos abordados durante a entrevista com a Rolling Stone. Mas todos os BLINKs podem ficar tranquilos pois, segundo as membros, elas ficarão juntas ainda por um bom tempo.

“Eu não acho que falamos sobre isso entre nós. Nós fazemos piadas tipo, ‘Jisoo unnie vai viver no Havaí, Lisa vai voltar para Tailândia’, mas eu não quero pensar no fim. É muito triste. Um dia nós iremos nos casar e coisas desse tipo. Mas então eu vejo as Spice Girls, como elas se reuniram para um show. Nós poderemos fazer isso também algum dia? Eu conseguirei dançar como danço agora? O BLACKPINK não vai durar pelo menos mais 10 anos? Nós estaremos perto dos 40 até lá”, afirmou Lisa.
blackpink
BLACKPINK para a divulgação da faixa "Lovesick Girls" / Crédito: Divulgação/YG Entertainment

Enquanto isso, para Rosé, o BLACKPINK “nunca vai acabar”. “Eu penso sobre, mas eu não acho que vai acabar. BLACKPINK é uma família para sempre. Eu cresci com elas, elas são uma parte de mim. Eu acho que nunca vai acabar. É perda de tempo para mim se preocupar com isso ou pensar sobre. Mas você sabe, quando algo é muito bom e você ama muito, você sempre pensa nesse lado porque você não quer perder”.


4. Dificuldades após a turnê mundial

Durante os documentários já lançados pelo BLACKPINK, as integrantes comentaram sobre algumas dificuldades que passaram durante sua primeira turnê mundial, a “IN YOUR AREA TOUR”, que terminou em 2020. Agora, em conversa com a Rolling Stone, Jennie fez novas revelações sobre alguns problemas que passou após o período de shows.

“Fiquei doente, mental e fisicamente, depois que a última turnê mundial terminou [em 2020]. Isso não é algo que eu queira compartilhar com muitos detalhes com os fãs. Eles se preocupam, então vou ser vaga. [...]Por um ano e meio, eu não tive uma casa. Se eu tocasse em algo, teria uma reação alérgica. Eu não tinha nenhum sistema imunológico, mas precisávamos continuar em turnê”, comentou a main rapper do grupo.

Apesar do período complicado, Jennie também afirma que hoje já está bem melhor, aprendeu a se cuidar, e se sente mais forte do que antes. “Hoje em dia, porque estamos nos preparando para nosso comeback e planejando nossa turnê, penso todos os dias: ‘Ok, como eu me preparo para os próximos dois anos ocupada?’. [...] Para mim, até agora, quando estou bem com meu corpo, me sinto mais feliz e saudável. Apenas conheço minha fraqueza, a que sou alérgica, o que não deveria estar colocando no meu corpo. Eu valorizo ​​isso e estudo, então estou mais forte do que antes”.