Recreio
Busca
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Entretenimento / Percy Jackson

Percy Jackson: O que personagens e elenco da série têm em comum? Atores revelam

Antes da estreia de “Percy Jackson e os Olimpianos”, o elenco adiantou o que os fãs podem encontrar em comum entre eles e seus personagens na série

Izabela Queiroz Publicado em 19/12/2023, às 13h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Leah Sava Jeffries, Walker Scobell e Aryan Simhadri, atores de 'Percy Jackson e os Olimpianos' - Reprodução/ Twitter/ Disney+
Leah Sava Jeffries, Walker Scobell e Aryan Simhadri, atores de 'Percy Jackson e os Olimpianos' - Reprodução/ Twitter/ Disney+

A mais nova adaptação dos livros de Rick Riordan, “Percy Jackson e os Olimpianos”, estreia amanhã, 20, no Disney+, apresentando Walker Scobell na pele do personagem título da trama, Leah Sava Jeffries como Annabeth Chase e Aryan Simhadri como Grover Underwood, o trio principal da série.

Assim como as figuras da história escrita por Riordan nas páginas, os atores da série também estão vivendo o período mais confuso e cheio de revelações da existência humana: a adolescência! No entanto, mais que isso, eles possuem diversas outras similaridades, conforme revelado pelos próprios atores em coletiva de imprensa realizada em 4 de dezembro.

Na ocasião, Walker, Leah e Aryan foram questionados sobre quais características pessoais deles poderiam ser encontradas também em seus personagens. Como resposta, Aryan começou apontando algo em comum entre seu colega de elenco e Percy ao dizer que “Walker é definitivamente bem rebelde”. Já Walker afirmou que compartilha o senso de humor com o filho de Poseidon. “Eu acho que o senso de humor do Percy. Eu também tenho muito desse senso de humor”. 

Enquanto isso, Leah pontuou a qualidade que pode ser uma conexão entre ela e a filha de Atena: a vulnerabilidade:

Eu vou escolher a vulnerabilidade da Annabeth. Definitivamente eu acho que a vulnerabilidade dela também, enquanto traz a coisa do foco, acredito que eu posso definitivamente ser focada, mas também ter uma profunda sensitividade em mim também, é algo que puxei dela.”

Quanto a Aryan, ele revelou gostar da empatia que Grover possui, revelando que é uma das características que ele mais admira, além de ser o aspecto em que ele deseja se assemelhar ao personagem:

Do Grover, uma das minhas coisas favoritas enquanto lia sobre o personagem dele nos livros, é o quão conectado ele é com as pessoas que ele se importa, o que é uma característica que eu realmente admiro nele, e algo que eu quero de verdade pegar do personagem e colocar na história o tanto que eu conseguir.”

Em outro momento da coletiva, os atores também responderam à pergunta que desejava esclarecer o quanto do que os fãs vão ver na tela é ficcional e o quanto é da personalidade de cada um dos atores. Em resposta, todos afirmaram que houve uma mistura entre realidade e ficção.

Eu peguei essa personagem e misturei. Quando digo misturei, quer dizer que fiz questão de que eu ainda teria Annabeth, mas também dando o meu eu, e eu acho que isso fez muita diferença”, começou explicando Leah. “Ser nós mesmos enquanto gravávamos, eu acho que foi isso que fez a química muito boa entre nós enquanto interpretávamos esses papeis, mas ainda dar Annabeth, Percy e Grover ao mesmo tempo”.

“Eu meio que concordo com isso. Eu não acho que o fiz, na verdade, nós todos meio que fizemos de certa forma, mas eu acho que foi mais para o programa, nós tentamos dar uma volta um pouco mais na vida real, sabe, então, eu acho que é extremamente importante se lembrar que ele ainda é uma criança de 12 anos, e então, ele meio que pode soltar a tensão às vezes, ficar bravo, é muito mais uma jornada emocional”, adicionou Walker.

Por fim, Aryan destacou a trajetória de crescimento como algo que conecta os atores aos seus personagens:

Eu completamente concordo. Todos nós meio que trouxemos nós mesmos para os personagens. O que eu realmente gosto sobre o Grover é que ele sempre começa meio que... ele é meio estranho, um pouco covarde, mas você ainda consegue ver que ele sempre está disposto a se colocar na frente de seus amigos, e meio como Walker disse, a jornada que todos nós passamos, Grover meio que sai da concha um pouco mais e fica mais disposto a se colocar em frente ao perigo e proteger as pessoas que ele se importa.”

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!