Recreio
Busca
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio

O poder do ARMY: Como fãs levaram V, do BTS, a adquirir um costume peculiar?

Descubra como o ARMY influenciou V, do BTS, a adquirir um novo costume nas redes sociais

Izabela Queiroz Publicado em 26/10/2023, às 15h09 - Atualizado em 03/11/2023, às 10h56

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
V, do BTS, em concept photo para o álbum 'Layover' - Divulgação/ BIGHIT
V, do BTS, em concept photo para o álbum 'Layover' - Divulgação/ BIGHIT

Não há nada mais incrível no mundo dos fãs do que se sentir próximo dos ídolos. Isso porque, além da admiração pelo talento, há uma curiosidade em saber mais sobre o lado comum da vida dos artistas, afinal, quando o fandom descobre interesses semelhantes aos do idol, é natural que pessoa famosa se torne uma referência ainda maior, atingindo mais aspectos da existência de seus admiradores.

Muitas das vezes, essa conexão mais estreita surge por meio das redes sociais, onde os artistas podem compartilhar mais sobre a vida fora dos holofotes através da publicação de fotos ou vídeos, ou ainda, através das tão adoradas lives, que permitem um contato ainda mais espontâneo e direto com o fandom, já que as transmissões são realizadas ao vivo.

Mesmo assim, existem casos em que os papeis se invertem, e os artistas se dispõem a querer descobrir mais sobre seus fãs. Isso é o que aconteceu com V, do BTS, que ao justificar o motivo pelo qual é tão ativo nesses espaços virtuais, revelou, em uma entrevista com IU no “IU's Palette” (via Koreaboo), ter adquirido o costume de verificar as redes sociais para ver o que o ARMY (como são chamados os fãs do BTS) estão fazendo.

Acho que sempre fiz isso quando estava morrendo de tédio. Me pergunto o que os ARMYs estão fazendo. Eu me pergunto como eles estão. Eu faço isso. Eu observo silenciosamente o que os ARMYs fazem”, explicou.

O idol detalhou que passou a verificar os posts do fandom destinados a ele, visto que esses abordavam os mais variados temas, como os desafios que enfrentavam no dia a dia, ou ainda, os momentos de diversão que viveram. V, relatou ainda que entender mais sobre os sentimentos dos fãs fazia com que as horas corressem mais rápido.

O tempo passa rápido quando eu os leio. Há cartas deles me contando o que fizeram hoje, o que foi difícil e o que foi divertido. O tempo passa quando eu os leio com alegria.”

Mais que isso, o idol explicou que, com as publicações em que os fãs lhe contavam mais sobre suas rotinas, ele passou a seguir o mesmo comportamento, compartilhando detalhes sobre os seus afazeres com o ARMY.

Acho que minha personalidade ficou assim devido ao ARMY. O ARMY me conta o que eles fizeram naquele dia em suas postagens. Após lê-los continuamente, me torno o ARMY. Posto uma história sobre o que fiz naquele dia, foi natural para mim há algum tempo.”

Dessa forma, o idol acabou estreitando os laços com o fandom. Tanto é, que no mesmo bate-papo, V afirmou que: “Ninguém no mundo me conhece melhor do que meus fãs. Nem meu pai me conhece!”. 

Vale lembrar ainda que mais que fãs, V, considera o ARMY como seus amigos, como explicado por ele em uma entrevista à Weverse Magazine (via Koreaboo).

Eles são apenas, bem, amigos que eu odiaria perder. Amigos que seriamente me dão força sempre que estão por perto. Às vezes você encontra amigos assim na vida. É assim com os outros membros, e tenho outros amigos com quem posso compartilhar meus sentimentos. E eu tenho ARMY. Portanto, não posso deixar de fazer tudo o que posso para fazer essas pessoas sorrirem e se sentirem felizes.”

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!