Recreio
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Entretenimento / Música

Mirror: Acidente com telão em Hong Kong pode deixar dançarino tetraplégico, informa médico

Além de Mo Lee Kai-yin, mais duas pessoas ficaram feridas; entenda o caso!

Redação Publicado em 29/07/2022, às 17h35

Integrantes do grupo Mirror - Instagram/mirror.weare
Integrantes do grupo Mirror - Instagram/mirror.weare

Após o show do grupoMirror em Hong Kong, na China, ser interrompido pela queda de um telão suspenso sobre o palco e deixar três feridos, a imprensa local divulgou nesta sexta-feira, 29, que Mo Lee Kai-yin, um dos dançarinos atingidos, poderá ficar tetraplégico após recuperação.

A notícia que foi divulgada pelo jornal South China Morning Post, contou com a declaração de um dos médicos, que informou que o rapaz de 27 anos teve a terceira e quarta seção da coluna vertebral deslocadas, o que pode deixá-lo paralítico do pescoço para baixo.

Além dele, o dançarino, Chang Tsz-fung, foi levado para o hospital, no entanto seu estado de saúde é estável e não há gravidade nos ferimentos. Há também uma terceira pessoa que foi atendida no local e apresentou lesões leves.

Vale lembrar que o acidente que aconteceu na última quinta-feira, 28, não atingiu nenhum dos 12 integrantes que completam a formação do Mirror.

Além disso, as investigações oficiais ainda estão em desenvolvimento, conforme dito por John Lee, chefe executivo de Hong Kong, que informou em uma nota enviada às autoridades que "investigarão de forma abrangente o incidente" e revisarão os requisitos de segurança para performances futuras.

Ainda assim, Lee contou que os familiares de um dos dançarinos que se feriram receberão ajuda do governo para se locomoverem do Canadá até Hong Kong para fornecer amparo ao rapaz.

Enquanto isso, MakerVille, a organização do evento, compartilhou em um comunicado sua tristeza com os ferimentos dos artistas e informou que trabalharia com as autoridades na investigação do caso.