Recreio
Entretenimento / Personagens

Quem inventou a Barbie?

Conheça a história por trás da boneca mais famosa do mundo

Maria Carolina Cristianini e Daniela Bazi Publicado em 13/07/2021, às 18h45 - Atualizado às 18h47

Imagem promocional de Barbie: Lago dos Cisnes (2003) - Divulgação/Universal Pictures
Imagem promocional de Barbie: Lago dos Cisnes (2003) - Divulgação/Universal Pictures

Hoje em dia, é praticamente impossível conhecer alguém que não conheça as bonecas Barbie. O brinquedo faz parte da lista de desejos de milhares de crianças ao redor do mundo e, há 61 anos, continua sendo amada por pessoas das mais diversas idades. Mas, como surgiu a boneca mais famosa de todos os tempos?

A ideia foi do casal Ruth e Elliot Handler junto com o amigo Harold Matson. Eles eram donos de uma fábrica de brinquedos nos Estados Unidos — a Mattel — e decidiram criar uma boneca que tivesse a aparência de uma pessoa adulta e pudesse trocar de roupa após observar a sua filha brincar com bonecas de papel. Naquela época, todos estes tipos de brinquedos eram representações de crianças. Sendo assim, a ideia de criar algo que fosse parecido com um adulto era extremamente inovador.

O intuito principal de Ruth com a boneca era mostrar para todas as meninas que elas poderiam ser e vestir aquilo que quisessem. Durante sua vida, a criadora sempre dizia que a “Barbie sempre representou o fato de que a mulher tem escolhas”. Não é atoa que, hoje em dia, a Barbie já conta com exemplares de mais de 180 profissões.

Ela foi lançada oficialmente em março de 1959 em uma feira de Nova York e recebeu o nome de Barbie em homenagem à filha do casal, que se chamava Barbara. Outros dois personagens conhecidos da marca também foram inspirados nos filhos de Ruth e Elliot: Ken, o namorado, e Skipper, a irmã.

Com o passar dos anos, a boneca foi ganhando cada vez mais estilos, amigos e familiares, que também são comercializados. Até hoje, o brinquedo já vendeu mais de 1 bilhão de exemplares em todo o mundo, e ganhou suas próprias animações, filmes e jogos. Uma de suas participações mais memoráveis é na franquia de Toy Story, da Pixar.

Sua participação deveria ter acontecido desde o primeiro filme, onde ela seria retratada como a namorada do Woody. No entanto, a Mattel acreditava que o filme não iria dar certo e não cedeu os direitos para a participação da boneca. Foi somente após o estrondoso sucesso da produção que ela passou a fazer parte do elenco de brinquedos ao lado de Ken.