Recreio
Zoo / Aves

Existem aves que possuem veneno?

Sim! Saiba mais sobre o gênero Pitohui, as únicas venenosas do mundo

Letícia Yazbek Publicado em 09/04/2021, às 15h00 - Atualizado às 16h05

Ave do gênero Pitohui - Wikimedia Commons
Ave do gênero Pitohui - Wikimedia Commons

As aves venenosas são muito raras, mas existem no nosso planeta, sim. Aves cantoras que vivem nas florestas tropicais da Nova Guiné são consideradas as únicas venenosas do mundo.

Elas pertencem ao gênero Pitohui, e têm seis espécies diferentes. Esse gênero foi descoberto recentemente, por isso pouco se sabe sobre seus hábitos. As aves Pitohui são diurnas e se alimentam de insetos, principalmente dos besouros da família Melirydae.

Os cientistas acreditam que é desse besouro que vem o veneno das aves. Ao se alimentar, o pássaro consegue, de alguma forma, absorver o veneno do inseto e armazená-lo no próprio corpo. Assim, ele é depositado na pele e nas penas, e utilizado pela ave para se defender de predadores ou na hora da caça.

Trata-se de um alcaloide neurotóxico, capaz de provocar paralisia no corpo de outros animais, inclusive nos músculos do coração, podendo causar a morte. O envenemento acontece quando a toxina entra em contato com a pele, boca, olhos e mucosas nasais, causando a dormência e paralisia do local afetado.

Apesar de a Ciência saber pouco sobre esse animal, ele é um velho conhecido dos nativos das ilhas da Nova Guiné, que evitam tocá-lo.

Os especialistas acreditam que é possível determinar a toxicidade de cada espécie de acordo com suas cores. O Pitohui marrom é pouco venenoso, enquanto o de penas vermelhas e pretas é o mais perigoso deles.