Recreio
Zoo / Animais

Invisíveis? Conheça 9 animais que são transparentes

Para se proteger dos predadores, alguns animais acabaram desenvolvendo essa característica tão específica

Luciana Fuoco Publicado em 09/04/2021, às 14h00 - Atualizado às 15h02

Larva leptocephalus - Wikimedia Commons
Larva leptocephalus - Wikimedia Commons

A natureza é tão diversa e surpreendente que existem animais de todos os jeitos e cores — alguns parecem nem existir de verdade. É o caso dos animais transparentes. A maioria deles desenvolveu essa característica por causa da necessidade de se proteger de predadores.

1. Hyalinobatrachium iaspidiense

Não é para menos que ela é conhecida como perereca de vidro: o abdômen desse bicho é totalmente transparente! Dá até para ver órgãos, como fígado, coração e intestino — ninguém sabe por que ela é assim. Essa espécie de rã vive em árvores, no Amazonas e na Venezuela, e tem hábitos noturnos.

2. Teuthowenia pellucida

Elas moram em águas profundas do oceano Atlântico, entre 1600 e 2400 metros. São as lulas de vidro que, apesar de medirem até 2 centímetros, absorvem água para aumentarem de tamanho quando se sentem ameaçadas. E não basta ser transparente: elas também possuem órgãos luminosos dentro dos olhos esbugalhados e quando se contrai transforma-se toda em uma bola. Os pesquisadores acreditam que, devido à profundidade em que vive, ela não tem necessidade de ter cor.

3. Greta oto

Essa espécie de borboleta, comum do México ao Panamá, além da Colômbia e Venezuela, impressiona tanto que, em espanhol, ganhou o apelido de espejitos (pequenos espelhos). Se não fosse o contorno das asas, ela passaria despercebida. As asas são transparentes porque o tecido entre as veias do inseto não possui as escamas coloridas que são comuns entre as borboletas.

4. Macropinna micróstoma

Não é só a falta de cor que impressiona na cabeça do peixe barreleye! Ele tem olhos em formato de tubo: além de serem bons em captar luz, eles giram bastante dentro da cabeça transparente. Assim, o peixe consegue olhar para cima ou para frente, sempre vendo através da cabeça transparente. Ele pode ser encontrado nas águas profundas dos oceanos Atlântico, Pacífico e Índico.

5. Chionodraco hamatus

Apesar de ser chamado de crocodilo ice-fish, esse animal é um peixe. O apelido vem do formato do focinho, que lembra o do réptil. A aparência invisível se deve ao sangue, quase sem cor — são os únicos vertebrados conhecidos sem hemoglobina (proteína do sangue que transporta o oxigênio e dá a cor vermelha). Ele sobrevive às águas abaixo de zero ao redor da Antártida.

6. leptocephalus

Com o corpo formado por substâncias gelatinosas, a larva das enguias marinhas, presentes no mundo todo, podem passar despercebidas por aí. Até chegarem à fase juvenil, quando sofrem uma metamorfose e se transformam em enguias, esses animais não têm glóbulos vermelhos. Assim, ficam quase invisíveis por até um ano!

7. Swima bombiviridis

Essa espécie de anelídeo provavelmente é transparente por viver na escuridão do fundo do mar, nas costas das Filipinas, México e leste dos Estados Unidos. Mesmo assim, o bicho libera uma substância na cor verde para distrair predadores. As cerdas ao longo do corpo atuam como remos, impulsionando o bicho na água.

8. Clione limacina

Ela parece ter saído de um desenho animado, mas é a borboleta-do-mar, uma espécie de lesma marinha, encontrada no Ártico e na Antártida. O bicho é incrível: sobrevive por até 1 ano sem comer nada! Acredita-se que ela não precisa de cor por viver em águas profundas.

9. Cyanogaster noctívaga

Esse peixe de apenas 2 centímetros vive na Amazônia. É o cyanogaster noctívaga — cyanogaster é “estômago azul” e noctívaga, “vaguear noturno”. O corpo dele é transparente apenas quando está vivo. Ao morrer, ganha um tom branco — cientistas estão estudando por que isso acontece!