Recreio
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Viva a História / História

O que são as colônias?

As colônias foram responsáveis por ajudar o homem a se espalhar pelo mundo. Entenda!

Letícia Yazbek Publicado em 03/07/2022, às 13h00

Quadro Desembarque de Pedro Álvares Cabral em Porto Seguro, de Oscar Pereira da Silva - Wikimedia Commons
Quadro Desembarque de Pedro Álvares Cabral em Porto Seguro, de Oscar Pereira da Silva - Wikimedia Commons

Colônias são territórios ocupados e administrados por representantes do governo de outro país (a metrópole). Foi por meio da formação de colônias que, ao longo da história, o homem se espalhou pelo mundo

Primeiras

As colônias surgiram com a migração — os territórios ocupados ainda não eram habitados. Mas, com o aumento da população, a colonização passou a ser a dominação de um povo sobre outro. Foi assim que o Império Romano conquistou grande parte da Europa e acumulou o máximo de poder por volta do ano 117. Os povos conquistados eram, muitas vezes, escravizados — esses locais se tornavam importantes fontes de recursos para a riqueza da metrópole.

Corrida imperial

Entre o final do século 15 e o início do século 16, Portugal, Espanha, França e Inglaterra começaram a explorar novas terras para expandir mercado e riquezas. Esses países formaram impérios, que conquistaram grande parte do mundo, quase sempre por meio da exploração.

Portugal e Espanha colonizaram parte do continente americano. Mais tarde, Inglaterra, França, Portugal e Bélgica controlaram um grande pedaço da África. A Inglaterra dominou ainda Estados Unidos, Índia e Austrália.

Em terras brasileiras

Os portugueses colonizaram o Brasil explorando o território e exterminando os índios. O principal objetivo era conseguir produtos para comercializar na Europa. Para isso, exerceram atividades como a produção de açúcar e a exploração do ouro. Muitas cidades foram fundadas e se desenvolveram rapidamente. A colonização do Brasil não foi pacífica: teve como características a exploração do território, o uso de mão de obra escrava (indígena e africana) e a apropriação de terras indígenas.

Vizinhos

Em outros países da América Latina, a colonização foi bem parecida com a do Brasil. A região que vai do México à Argentina foi ocupada pelos espanhóis. O objetivo também era explorar as riquezas das terras. Entre os principais produtos estavam os metais preciosos e a madeira.

Liberdade

A independência de boa parte dos países colonizados aconteceu entre o fim do século 18 e o início do século 19, com movimentos de resistência. Diante da exploração da metrópole, as colônias viam uma solução na independência. Nas espanholas, houve revoltas. No Brasil, apesar de alguns conflitos, dom Pedro I foi convencido a declarar a independência e ser o primeiro imperador do país.

Até hoje?

O termo colônia não é mais usado, mas ainda há lugares dependentes de outros países. Bermudas, Ilhas Cayman, Ilhas Malvinas e Gibraltar são exemplos de territórios ultramarinos do Reino Unido. Guadalupe, Martinica e Guiana Francesa são de domínio da França. Por terem população muito pequena e serem dependentes da ajuda econômica dos países a que estão ligados, esses lugares não têm interesse em se tornar independentes.

Você sabia?

  • O Nordeste brasileiro já foi ocupado por holandeses. Em 1630, uma expedição desembarcou em Pernambuco. Depois de muitos confrontos, os portugueses os expulsaram.
  • O Canadá foi colonizado pela Inglaterra, mas parte do país foi ocupada pelos franceses. É por isso que o idioma da França é falado em algumas regiões.