Recreio
Tecnologia / Tecnologia

Como surgiu o velcro?

Descoberto por acidente, ele foi inspirado nas sementes de uma planta

Renato Lamanna Publicado em 08/01/2022, às 10h00

Getty Images
Getty Images

Sementes que agarram
Enquanto passeava pelos Alpes Suíços com seu cão, em 1941, o engenheiro Georges de Mestral notou que pequenas sementes de uma planta, conhecida como bardana, ficavam presas nos pelos do cachorro e nas roupas que ele mesmo usava.

Análise detalhada
Ao chegar em casa, Georges decidiu dar uma olhada nas sementes usando um microscópio. Ele notou que os filamentos da planta eram parecidos com pequenos ganchos, que se agarravam a pelos e tecidos.

Grande ideia!
A partir do que tinha descoberto, o engenheiro suíço pensou em um produto que fosse aderente o suficiente para ser usado como fecho, mas que pudesse se desprender facilmente. Em 1951, Georges registrou o pedido de patente, concedido quatro anos depois.

Que nome é este?
Com o produto patenteado, era preciso criar uma empresa que produzisse o material. Foi aí que surgiu a Velcro: junção das palavras francesas velours (veludo) e crochet (gancho). O nome da empresa ficou tão popular que até hoje chamamos esse tipo de fixador de velcro.