Recreio
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Planetário / Espaço

Como a Lua foi criada?

Ententa as teorias por trás da formação da Lua, o único satélite natural da Terra

Redação Publicado em 25/06/2021, às 11h15 - Atualizado em 29/05/2022, às 09h00

Lua vista da Terra - Pixabay
Lua vista da Terra - Pixabay

O satélite natural da Terra surgiu há mais de 4 bilhões de ano. Entre as várias teorias sobre sua formação, a mais aceita pelos cientistas é que ela nasceu dos restos de uma colisão do nosso planeta com um astro gigantesco.

Naquela época, o Sistema Solar estava em formação e aconteciam muitas trombadas entre os astros, como planetas em formação. A Terra, por exemplo, ainda era uma gigantesca bola de fogo. E na sua superfície só existiam rochas e muita lava.

Um desses astros, com cerca da metade do tamanho do globo terrestre, chocou-se com o nosso planeta. Com a batida, o astro intruso se espatifou e a Terra perdeu parte de sua superfície e núcleo.

Quando a Lua se formou, o nosso planeta girava muito mais rápido do que hoje — um dia durava apenas umas cinco horas. Com a rotação veloz, o impacto lançou para o espaço material suficiente para o surgimento do satélite.

Os estilhaços se espalharam pelo sistema solar. Os pedaços mais distantes da órbita terrestre escaparam para o espaço. E outra parte virou matéria-prima para formar a Lua.

A parte perdida do núcleo terrestre e os restos rochosos se fundiram e foram atraídos pela gravidade para a órbita do nosso planeta. Os astrônomos acreditam que esse processo levou cerca de 100 anos.

Logo após seu nascimento, a Lua estava a somente 25 mil quilômetros de distância da Terra. Hoje, a distância média gira em torno de 380 mil quilômetros.