Recreio
Mapa-Múndi / Cidades

7 locais que parecem o fim do mundo

O planeta está cheio de locais que mais parecem o fim do mundo. E acredite: alguns são habitados!

Lucas Vasconcellos Publicado em 10/09/2021, às 14h59 - Atualizado às 15h02

Cidade de Oymyakon, na Rússia - Wikimedia Commons
Cidade de Oymyakon, na Rússia - Wikimedia Commons

1. Oymyakon, Rússia

Esta cidadezinha na Sibéria tem cerca de 500 habitantes. Ficou conhecida por bater o recorde de temperatura mais baixa numa localidade permanentemente habitada: em 6 de fevereiro de 1933, atingiu 67,7 graus Celsius negativos. A vida por lá é bem difícil: os habitantes se alimentam de carne de cavalo e de rena, e comem poucos vegetais, plantados apenas durante o curto verão

2. Monte Chimborazo, Equador

monte
Crédito: Wikimedia Commons

Ele é um estratovulcão (vulcão em forma de cone) com 6.267 metros de altitude — considerado o pico mais alto dos Andes equatoriais. Até o início do século 19, era tida como a montanha mais alta da Terra a partir do nível do mar. A última erupção do vulcão foi há cerca de 10 mil anos — por isso, é considerado extinto.


3. Tristão da Cunha, Atlântico Sul

tristao
Crédito: Wikimedia Commons

Trata-se de um arquipélago do território britânico de Santa Helena, Ascensão e Tristão da Cunha. A ilha principal (Tristão da Cunha) é rodeada por penhascos com cerca de 600 metros de altura. Os únicos locais habitados são o povoado de Edimburgo dos Sete Mares e a estação meteorológica da Ilha de Gonçalo Álvares (com seis funcionários).


4. Ittoqqortoormiit, Groenlândia

goelandia
Crédito: Wikimedia Commons

Tem população de apenas 537 habitantes. Ittoqqortoormiit é o nome desse lugar no dialeto local e quer dizer Habitantes da Grande Casa. Mas a cidade também é conhecida como Scoresbysund, em homenagem ao explorador William Scoresby, o primeiro a mapear a região em 1822.


5. Ilha Deception, Antártida

deception
Crédito: Wikimedia Commons

Por ser o ponto mais alto de uma cratera vulcânica, o formato é quase circular. A maior parte do território é ocupada pelo pinguim-de-barbicha. A ilha abriga a baía de Foster, com estreita abertura de cerca de 150 metros. Ela é a comunicação do local com o mundo.


6. Arquipélago de Kerguelen, Oceano Índico

Composto por um grupo de ilhas, que faz parte do território das Terras Austrais e Antárticas Francesas. A base científica francesa Port-aux-Français fica em Grande Terre (maior das ilhas) e serve de capital — lá estão os principais serviços do arquipélago, como hospital.


7. Montanha Gangkhar Puensum, Butão

É a montanha mais alta do Butão com 7.570 metros de altitude. De todas as montanhas nunca escaladas, é a maior. Aventureiros não ousam explorá-la para evitar problemas com o Butão — o país não permite escaladas além dos 6 mil metros de altitude por uma crença de que, acima disso, moram os espíritos.