Recreio
Games / Games

Como se faz um game?

Descubra o passo a passo para criar os seus jogos favoritos

Letícia Yazbek Publicado em 08/05/2020, às 09h00 - Atualizado às 13h01

Entenda como acontece a criação de um game - Pixabay
Entenda como acontece a criação de um game - Pixabay

O primeiro passo para a criação de um game envolve o desenvolvimento da ideia e o planejamento. É preciso escolher de que gênero ele será (RPG ou em primeira pessoa, por exemplo) e para qual plataforma será lançado. Também é preciso pensar no objetivo final: qual história o game deve contar? Como os jogadores devem se sentir? A equipe também decide quais estilos gráficos, animações e trilhas sonoras serão utilizados.

A escolha do tema também é uma decisão importante. Um game pode seguir, por exemplo, uma temática de Fantasia, Medieval, Futurística, Atual, entre outros assuntos. Depois de decidir o tema, é preciso estudá-lo bastante, por meio de outros games, filmes e livros que abordem a temática. Assim, o criador do game pode ter certeza de que está desenvolvendo algo único, que nunca foi feito antes. Aí, é hora de criar a história, os cenários e os detalhes psicológicos dos personagens.

Ao montar a história, é necessário determinar as opções que o jogador terá e criar incentivos. Em qualquer tipo de game, o jogador deve ter um bom motivo para querer atingir metas e progredir. São elaboradas as mecânicas (regras internas do jogo) e os níveis, que precisam fazer sentido, dando uma continuidade à história. Também é preciso garantir que o game não seja muito difícil ou quase impossível. Ele deve oferecer desafio, mas também precisa fazer com que as pessoas queiram continuar a jogá-lo.

O roteiro deve indicar toda a ação que ocorre no game e todas as falas de cada personagem, na ordem em que devem aparecer. Com o roteiro pronto, a equipe passa a história para um storyboard, um tipo de lousa em que vários desenhos são colocados em sequência, mostrando as cenas que o game terá. Essa organização será muito importante para a montagem do game no futuro!

Com a ideia pronta, é hora de correr atrás dos publishers (publicadores, em inglês), grandes empresas especializadas em games e dispostas a investir no projeto. Para vender a ideia, alguns estúdios preparam protótipos ou versões simplificadas do game. Depois de garantir o financiamento, é hora de estabelecer um cronograma, com cada etapa que será realizada.

É hora de desenhar, à mão, todos os personagens do game, sejam eles principais, secundários ou figurantes. Também é preciso fazer desenhos de todos os cenários do game. Em alguns casos, ainda são feitos trabalhos manuais, como esculturas, que ajudam a visualizar como será cada personagem. Depois, um artista 2D ou 3D passa os desenhos para o computador. Dependendo do tipo do game que você for criar, pode ser utilizada uma modelagem em 2D ou 3D, e diferentes programas de computador. Nessa etapa, os personagens ganham sombras, texturas e movimentos.

A fase de produção é o principal estágio de desenvolvimento do game. Com os personagens criados, são produzidas as artes e os códigos. Os programadores escrevem os códigos que darão os movimentos e mecânicas do jogo. Para isso, eles precisam conhecer as principais linguagens utilizadas, como C++, C# e Java. Os profissionais chamados de level designers projetam as fases do jogo, criando missões, desafios e cenários. É aqui que o game é criado e testado!

A parte sonora costuma ser deixada para o fim. Nessa etapa, são escolhidos os efeitos sonoros, as músicas de fundo, temas para os personagens e ruídos. Também é feita a dublagem dos personagens. Toda essa etapa é supervisionada pelo engenheiro de som, especialista no assunto. Depois de prontos, os recursos sonoros são incorporados ao software do jogo.

Quando o game está quase pronto, é preciso verificar todos os detalhes. Primeiro, uma versão semiacabada, chamada de alfa, é analisada por uma equipe de técnicos do estúdio. Aí, os problemas são corrigidos e novas versões, conhecidas como beta, são encaminhadas a jogadores selecionados, que descobrem erros. Depois de mais uma rodada de correções, fica pronta a versão final, que é disponibilizada para os jogadores.

A criação de um game pode envolver desde duas até 1000 pessoas. Todo o processo de criação costuma durar de dois a três anos.