Recreio
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Games / Personagens

7 curiosidades sobre o Mario, um dos personagens mais populares dos games

A história do encanador mais famoso dos games está cheia de curiosidades. Entre no misterioso mundo desse bigodudo!

Lucas Vasconcellos Publicado em 13/06/2022, às 12h07

Imagem promocional do Mario - Divulgação/Nintendo
Imagem promocional do Mario - Divulgação/Nintendo

1. Início discreto

Apesar de ser o garoto-propaganda da Nintendo (empresa fabricante de videogames), Mario batalhou pelo posto de astro: apareceu pela primeira vez no jogo Donkey Kong, em 1981. Tinha outro nome e outra profissão: chamava-se Jumpman e era carpinteiro (a arma do personagem era o martelo).

2. Espaço só dele

Em 1983, Mario virou encanador e, junto com o irmão mais novo, Luigi, ganhou um jogo próprio. Embora o filme Super Mario Brothers, de 1993, dê um sobrenome aos irmãos, a Nintendo nunca se manifestou sobre o assunto. Então, oficialmente, os nomes deles são apenas Mario e Luigi.

3. Mil e uma profissões

Além de encanador e carpinteiro, Mario já foi juiz de boxe, médico, malabarista, piloto de corrida... E muito mais!

4. Do encanamento para os ringues

Em 1987, o jogo Punch-Out, que nada tinha a ver com Mario, trouxe o personagem em participação especial, como juiz de lutas de boxe. Mario aparece berrando “fight” (algo como valendo!) e contando o nocaute.

5. Tudo igual

Preste bastante atenção nos arbustos e nas nuvens do Super Mario: eles têm o mesmo desenho, mas com cores diferentes. A Nintendo economizou nos traços do jogo.

super mario
Imagem promocional do game Super Mario Bros / Crédito: Divulgação/Nintendo

6. Bigodudo sem querer

Quando Mario foi criado, a tecnologia não era muito boa — se comparada à atual. Os recursos eram limitados e, para deixar Mario bonito, a solução encontrada pelo criador do personagem foi dar a ele boné e bigode.

7. Sem dor de cabeça

Quando vai quebrar os tijolinhos e pegar o bônus, dá a impressão de que Mario bate a cabeça, certo? Mas repare bem: na verdade, ele pula com uma das mãos para cima, dando um soquinho na direção do bloco — faz muito mais sentido, não é?