Recreio
Escola / Cidadania

Qual é a importância de sermos todos diferentes?

Todo mundo é diferente, e essa é uma das qualidades mais incríveis que o ser humano tem

Lucas Vasconcellos Publicado em 06/04/2020, às 11h00

Acredite: Ser diferente é muito legal! - Getty Images
Acredite: Ser diferente é muito legal! - Getty Images

Você gosta de jogar futebol na quadra e seu amigo prefere brincar de corrida. Isso acontece porque vocês são diferentes, assim como todos os seres humanos: alguns são magros, outros gordos, uns engraçados e outros sérios... E ser diferente é a qualidade que nos destaca dentro de um grupo.

Ser diferente é o mesmo que ser único. E isso significa que não existe mais ninguém que seja como você em todo o planeta. Mesmo os gêmeos, que são extremamente parecidos fisicamente, têm suas diferenças.

É importante entender que cada pessoa é livre para gostar do que lhe faz bem. Quando nós aceitamos e respeitamos as preferências e particularidades do outro, também somos respeitados e nos tornamos seres humanos melhores. E, certamente, vamos atrair amigos que agem da mesma forma.

Aceitar as diferenças entre as pessoas não significa que você tem que ser igual a ninguém e nem gostar das mesmas coisas. Você tem o direito de gostar do quiser, curtir a banda que acha melhor, independente da opinião dos seus amigos. Anular-se para que todos fiquem bem não é bacana e pode fazer mal para você. O segredo é saber que ninguém é melhor que ninguém, independente das diferenças culturais, físicas e sociais.

Se você curte um livro e sabe que todos os seus amigos detestam, não se sinta mal. Sempre que as escolhas que fazemos soam normais para nós, não há porque ter vergonha. Suas escolhas não interferem na amizade. Pelo contrário: faz com que você seja importante e único dentro do grupo.

Aceitar-se como é pode não ser fácil. Mas o sentimento de autoestima é alimentado diariamente, como quando você recebe um elogio. E, claro, você também deve se reconhecer. Pense só: ao seu redor estão pessoas que gostam da sua companhia, tanto em casa quanto na escola. Ou seja, perceba por aí o quanto você é querido!