Recreio
Entretenimento / Esportes

Skate: conheça a história do esporte estreante nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Saiba mais detalhes sobre o skate, esporte radical que surgiu na Califórnia nos anos 50

Isabella Bisordi Publicado em 26/07/2021, às 19h11

Conheça a história do Skate, estreante nos Jogos Olímpicos - Reprodução/Amazon
Conheça a história do Skate, estreante nos Jogos Olímpicos - Reprodução/Amazon

Você sabia que, este ano, pela primeira vez na história, o Skate tornou-se uma modalidade de competição nos Jogos Olímpicos? O evento, que teve seu início na última sexta-feira, dia  23, está acontecendo em Tóquio, no Japão, e conta com 46 esportes sendo disputados por atletas de todo o mundo. E para a alegria dos skatistas, logo nos primeiros dias de evento, o esporte radical deixou sua marca e está fazendo um enorme sucesso entre o público!

No primeiro fim de semana dos Jogos Olímpicos, os brasileiros vibraram com a subida de dois skatistas no pódio da categoria street: Kelvin Hoefler, de 27 anos, levou a medalha de prata na madrugada de domingo, dia 25, enquanto Rayssa Leal, de 13 anos, também conquistou a medalha de prata na madrugada de segunda-feira, dia 26. Além de conquistar o título, Rayssa (apelidada nas redes sociais de “fadinha”), tornou-se a atleta brasileira mais jovem a ganhar uma medalha olímpica. Incrível, né?

Apesar de estrear nas Olimpíadas apenas em 2021, o skate conta com uma longa trajetória em diversas competições ao redor do mundo, como o X Games, evento considerado os “Jogos Olímpicos dos esportes radicais”. Confira um pouco mais sobre a origem do skate e sua história a seguir:

Origem do skate e sua popularização

Você já parou para pensar que andar de skate é como “surfar em terra”? Então acredite: essa teoria tem tudo a ver com a origem do esporte! O skate surgiu no final da década de 50, na Califórnia, Estados Unidos, quando um grupo de surfistas procurava formas de praticar esportes radicais nas épocas em que o mar estava com a maré baixa. Para isso, colocavam rodas em pranchas de madeiras e imitavam as manobras de surf nas ruas. E foi assim que surgiu o sidewalk surf (ou seja, “surf no asfalto'') que, logo nos anos seguintes, tornou-se super popular nos Estados Unidos e ganhou o nome de skateboard.

Ainda na década de 60, o Roller Derby tornou-se o primeiro modelo de skate a ser fabricado e comercializado em massa, e os primeiros campeonatos do esporte começaram a surgir. No entanto, foi na década de 70 que o skate deu um enorme salto para sua popularidade, quando o norte-americano Frank Nasworthy criou, em 1973, as rodinhas de uretano. Com elas, as manobras podiam ser realizadas com muito mais segurança e velocidade, revolucionando sua prática. 

Em 1975, os Estados Unidos passaram por uma das piores secas de sua história, fazendo com que as pessoas esvaziassem as piscinas de suas casas. Na época, um grupo de skatistas californianos, os lendários Z-Boys de Dogtown, descobriram novas formas de praticar o skate vertical nessas piscinas, o que também foi essencial para a evolução do esporte e o surgimento de novas modalidades. Em 1979, outro acontecimento entrou para a história: Alan Gelfand inventou o famoso Flatground Ollie, manobra utilizada pelos skatistas para ultrapassar obstáculos elevados - e que tornou-se base para qualquer manobra, além de criar milhares de novas possibilidades para o skate.

Na década de 80, novos nomes surgiram para revolucionar ainda mais o esporte. Dentre eles, destacam-se Rodney Mullen, responsável por desenvolver mais de 30 novas manobras, como o kickflip, heelflip, hardflip, casper, darkslide, rockslide, 05-50 e muito mais; e Tony Hawk, que inovou a prática do half-pipe. Na década de 90, Hawk foi um dos grandes responsáveis por consolidar o skate como esporte e, em 1999, ganhou o título de maior skatista do mundo ao completar, durante o X Games, o primeiro 900 da história. A partir de então, nos anos 2000, pudemos ver um crescimento cada vez maior da prática, atraindo milhões de esportistas e torcedores ao redor do mundo.

Ao longo dos anos, o skate ganhou, também, variações em seu formato - tanto no seu shape (ou sua “base”) quanto em seus trucks, tipos de rodas e rolamentos. Para escolher o skate ideal, é importante conferir suas principais características e para qual modalidade é mais indicado. Atualmente, as mais famosas são: freestyle (manobras feitas no chão em sequência); street style (skate de rua, praticado em bancos, corrimões e escadas pela cidade); downhill (descida de ladeiras com variações como downhill slide ou stand-up); vertical (praticada em pistas e divididas em outras modalidades, como half-pipe, bowl ou big air); e mini-rampas (praticado em rampas que misturam o street e o vertical).

Skate no Brasil

A primeira pista de skate no Brasil e em toda a América Latina foi inaugurada em 4 de dezembro de 1976 na cidade de Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro. Em 1999, foi fundada a Confederação Brasileira de Skate (CBSk), com o objetivo de regulamentar as normas do esporte no país e viabilizar seu desenvolvimento.

Nas últimas décadas, o skate vem se popularizando cada vez mais no Brasil e fazendo história com grandes nomes no esporte. De acordo com pesquisa realizada pelo Datafolha, em 2009, o país contava com 4 milhões de skatistas. Seis anos depois, em 2015, este número chegou a 8,5 milhões! Ou seja, cada vez mais podemos acompanhar o surgimento de atletas incríveis que nos mostram a importância do esporte e, além disso, tornou-se um verdadeiro estilo de vida.

E aí, curtiu descobrir mais sobre a história do esporte? Se você está a fim de começar a praticar já, selecionamos 14 itens disponíveis na Amazon que vão te ajudar nessa missão. Confira e garanta os seus para tornar-se um skatista de primeira:

1. Skate Longboard Urban Sand, com rodas de polímero e truck em alumínio, Atrio: https://amzn.to/3iQqDG7

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

2. Skate Elétrico Atrio Cruiser: https://amzn.to/3zErhgQ

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

3. Longboard 90cm, Maple Abec, Bel Sports: https://amzn.to/2UJeBGI

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

4. Skateboard iniciante, completo, madeira, modelos de 78cm, Astro Mix: https://amzn.to/3iPTHNV

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

5. Skate Bamboo, Bamboo Honu Glyph, Body Glove: https://amzn.to/3ycawZW

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

6. Skate montado profissional feminino, Abec 7, Cisco, Yoda 8": https://amzn.to/2WsJCiF

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

7. Longobard Folhas, Mormaii: https://amzn.to/3kZISvC

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

8. Skate montado profissional feminino, Gum, Abec 7, Cisco: https://amzn.to/3BI35vM

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

9. Kit de proteção Mormaii: https://amzn.to/3x1Uh01

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

10. Kit de proteção Pro Mor, Mor: https://amzn.to/3BLlaZW

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

11. Kit de proteção adulto, unissex, Fila: https://amzn.to/372nI7M

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

12. Kit de proteção infantil, Mimo Style: https://amzn.to/3i77oZI

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

13. Capacete esportivo coquinho, tamanho G, Atrio: https://amzn.to/3f178cW

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

14. Kit de proteção infantil, tamanho único, Atrio: https://amzn.to/3i6BI6N

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os preços do site da Amazon. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a Recreio pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/3urRIDU
Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2Q2lxM0