Sequência de Pantera Negra não contará com computação gráfica de Chadwick Boseman

Victoria Alonso, executiva da Marvel, afirmou em entrevista que o estúdio está em busca de algo que possa honrar o intérprete de T'Challa, rei de Wakanda

Daniela Bazi Publicado segunda 16 novembro, 2020

Victoria Alonso, executiva da Marvel, afirmou em entrevista que o estúdio está em busca de algo que possa honrar o intérprete de T'Challa, rei de Wakanda
Chadwick Boseman como T'Challa para o filme Pantera Negra (2018) - Divulgação/Marvel Studios

Após o falecimento de Chadwick Boseman, o astro de Pantera Negra, um dos maiores questionamentos levantados pelos fãs era o que iria acontecer com a sequência do longa que conta a história do herói da Marvel e rei de Wakanda, T'Challa.

Entre uma das hipóteses que circulavam na internet, estava a possibilidade da utilização de computação gráfica para reproduzir o ator no novo filme, no entanto, a ideia já foi descartada, segundo a vice-presidente executiva da Marvel Studios, Victoria Alonso.

De acordo com Victoria em entrevista ao Clarín, “Chadwick é único, e já não está mais com nós. Nosso rei, infelizmente, também morreu na vida real, não só na ficção. Estamos tomando um tempo para ver como vamos retomar a história, e o que vamos fazer para honrar este ocorrido tão inesperado e tão terrível. Porque Chadwick não foi só um ser humano maravilhoso todos os dias que passamos juntos durante cinco anos, mas também parece que o personagem que ele interpretou nos elevou como companhia, e deixou sua marca na história”.

Em setembro deste ano, o Hollywood Reporter já havia informado que, segundo fontes da Disney, um dos focos principais da empresa seria em encontrar a melhor forma para homenagear Boseman, e não necessariamente na continuação da história de seu personagem. Pantera Negra 2 está previsto para estrear nos cinemas mundiais em 6 de maio de 2022.

 

Último acesso: 05 Aug 2021 - 17:19:12 (1101415).