Recreio

Por que Animais Fantásticos 3 não explica a presença de um novo Grindewald?

Após polêmicas em 2020, o vilão deixou de ser interpretado por Johnny Depp e passou a ser vivido por Mads Mikkelsen

Daniela Bazi Publicado em 18/04/2022, às 17h10

Mads Mikkelsen e Johnny Depp como Gellert Grindelwalt na franquia "Animais Fantásticos" - Divulgação/ Warner Bros. Pictures
Mads Mikkelsen e Johnny Depp como Gellert Grindelwalt na franquia "Animais Fantásticos" - Divulgação/ Warner Bros. Pictures

Na última semana, ocorreu a grandiosa estreia de “Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore”, novo filme da franquia do Wizarding World, conhecida por apresentar Harry Potter, o bruxinho mais famoso do mundo dos livros e dos cinemas.

Desde antes de sua estreia, a produção foi acompanhada por inúmeras polêmicas envolvendo o elenco. Uma de suas maiores controvérsias foi a mudança de ator para o papel do vilão Gellert Grindelwald, interpretado porJohnny Depp no segundo filme. Porém, essa não seria a primeira vez em que o intérprete do personagem sofre alterações.

Ainda no primeiro filme, Grindelwald apareceu na forma de Lord Percival Graves, interpretado por Colin Farrell, um bruxo que, segundo a trama, teve a sua aparência roubada pelo antagonista. Já em "Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald", o vilão assume o seu próprio rosto, e Depp se torna o responsável por dar vida ao icônico personagem.

Após fortes polêmicas de agressão contra sua ex-esposa, a atriz Amber Heard, a Warner Bros. Pictures confirmou em novembro de 2020 que Johnny Depp não faria mais parte da franquia e, no mesmo mês, revelou que o ator dinamarquês Mads Mikkelsen seria o novo responsável por interpretar Grindelwald nos cinemas.

Com a chegada de “Animais Fantásticos 3”, muitos fãs esperavam que o novo filme contasse com alguma explicação sobre como o rosto do vilão mudou entre uma produção e outra — mas isso não aconteceu.

Segundo Mikkelsen em uma entrevista ao The Hollywood Reporter, o motivo por trás da falta de explicação é que o fato ultrapassaria a narrativa fantasiosa e, caso fosse justificada no longa, poderia ser apenas um "easter egg para a realidade".

“Isso foi muito deliberado. Todo mundo sabe por que [os atores mudaram]. O mundo inteiro sabe por quê. Seria quase como um Easter egg para a realidade apontar que trocamos de atores. Esperamos arrastá-los com a primeira cena e a partir daí eles aceitam este mundo”, revelou o ator.

“Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore “ mostra o poderoso bruxo Alvo Dumbledore, interpretado por Jude Law, se aliando a Newt Scamander (Eddie Redmayne) para que possam confrontar o vilão em ascesão,  Gelert Grindelwald (Mads Mikkelsen), e assim restaurarem a paz.