Recreio
Entretenimento / Séries

O que podemos esperar da possível segunda temporada de 'Heartstopper'?

A mais nova série romântica da Netflix estreou na última sexta-feira, 22, e vem fazendo um enorme sucesso entre o público

Daniela Bazi Publicado em 25/04/2022, às 14h25

Cena da série "Heartstopper" - Divulgação/Netflix
Cena da série "Heartstopper" - Divulgação/Netflix

A nova série romântica da Netflix “Heartstopper” acabou de estrear na plataforma de streaming, mas já se tornou um enorme sucesso entre o público mundial, ocupando o Top 10 em diversos países.

Baseada na graphic novel homônima escrita por Alice Oseman, a produção conta a história do relacionamento entre Nick, um garoto que ainda está descobrindo sua sexualidade, e Charlie, um jovem assumidamente gay. A fofa história de amor entre os garotos cativou tanto os fãs, que já existem diversos pedidos nas redes sociais para o lançamento de uma segunda temporada.

Até o momento, os novos episódios ainda não foram confirmados pela Netflix, no entanto, até mesmo a criadora da história já revelou através do Twitter que teria interesse em uma nova temporada. Ao ser questionada sobre a possibilidade de novas seasons, Alice disse:

“Eu gostaria que houvesse! Mas estamos apenas comissionados por uma temporada por enquanto. Se a primeira temporada for bem, espero que tenhamos mais!”.

Durante uma entrevista ao Radio Times, a autora também chegou a revelar que, caso o serviço de streaming tenha interesse, seriam necessárias aproximadamente quatro temporadas para cobrir a história completa do relacionamento entre Nick e Charlie.

“Provavelmente seriam quatro temporadas para cobrir a história completa. Eu não fiz nenhum planejamento detalhado nem nada, mas é muito fácil dividir os livros em temporadas, então quatro acho que daria certo.”, disse Oseman.

O que poderia ser abordado na segunda temporada?

A primeira temporada deixou em aberto muitos assuntos que ainda podem ser desenvolvidos em novos episódios. Um dos principais tópicos é o relacionamento entre Nick e Charlie, que após ser assumido para a mãe do jogador de rugby, agora está pronto para ser revelado a todos em seu redor.

Outro ponto importante para ser abordado é a reação da escola com a revelação de que Nick e Charlie são um casal. Vale lembrar que durante a primeira temporada, acompanhamos claramente a homofobia liderada por Harry que corre entre os corredores da instituição.

Além disso, nos últimos episódios também descobrimos que Tao e Elle possuem sentimentos um pelo outro, mas que ainda não estão preparados para assumi-los. Em uma nova temporada, o relacionamento entre os dois poderia ser desenvolvido, apresentando a aceitação do casal por aquilo que realmente estão sentindo.

Com oito episódios, a primeira temporada completa de “Heartstopper” já está disponível na Netflix. Confira o trailer da nova produção!