Recreio

Netflix anuncia retirada dos filmes de Harry Potter do catálogo

Segundo a plataforma, os fãs ainda poderão conferir os títulos até o próximo sábado, 31

Daniela Bazi Publicado em 28/10/2020, às 17h07 - Atualizado às 17h13

Cena do filme Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (2004) - Divulgação/Warner Bros. Pictures
Cena do filme Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (2004) - Divulgação/Warner Bros. Pictures

Durante a tarde de ontem, 27, a Netflix Brasil anunciou através de sua página oficial no Twitter que os filmes do Harry Potter presentes em seu catálogo serão retirados da plataforma no próximo sábado, 31 de outubro.

Na publicação, a empresa disse “Atenção, Potterheads! Essa é a última semana pra rever os filmes do Harry Potter que estão disponíveis aqui comigo. Eu tentei, gente, mas aquilo que não pode ser nomeado decidiu que vocês só têm até sábado.” Atualmente, o streaming possui os filmes Animais Fantásticos e Onde Habitam, Harry Potter e a Câmara Secreta, Harry Potter e a Ordem da Fênix e Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 e Parte 2.

Segundo rumores, a retirada dos títulos pode ter sido causada pela chegada do HBO Max — que é administrado pela Warner, estúdio responsável pelos filmes da franquia — à América Latina. O canal HBO, inclusive, irá realizar uma maratona desde o primeiro longa da saga até o último no dia 7 de novembro.

Ao ser questionada sobre os motivos na rede social, a Netflix apenas comentou que “São muitos ministérios da magia envolvidos...”. Até o momento a Warner ainda não se pronunciou sobre o assunto.