Recreio

Emma Watson e Rupert Grint revelam que quase abandonaram seus papeis em Harry Potter; entenda!

Os astros de uma das franquias mais famosas do mundo explicaram o motivo no especial “Harry Potter: De Volta a Hogwarts”, do HBO Max

Redação Publicado em 29/12/2021, às 14h22

Emma Watson e Rupert Grint no especial 'Harry Potter: De Volta a Hogwarts' - Divulgação/HBO Max
Emma Watson e Rupert Grint no especial 'Harry Potter: De Volta a Hogwarts' - Divulgação/HBO Max

É muito difícil imaginar os personagens Ron Weasley e Hermione Granger, de Harry Potter, sendo interpretados por outros atores nos cinemas além dos eternos Rupert Grint e Emma Watson — mas isso quase chegou a acontecer.

Na última terça-feira, 28, o jornal britânico Daily Mail teve acesso antecipado ao aguardado reencontro realizado pelo HBO Max intitulado “Harry Potter: De Volta a Hogwarts”, que comemora os 20 anos do lançamento de “Harry Potter e a Pedra Filosofal”, e revelou uma conversa nostálgica entre os astros onde descobrimos que ambos quase abandonaram a franquia no meio.

Durante o papo, Emma comentou que a ideia surgiu em sua cabeça após a fama que o papel lhe proporcionou começar a interferir em sua vida pessoal. “Acho que fiquei com medo. Não sei se você já se sentiu como se tivesse chegado a um ponto crítico, no qual você pensava: ‘Isso é meio que para sempre agora’. As coisas começaram a ficar picantes para todos nós”, desabafou.

Watson também revelou que cogitou em desistir de Hermione na época de “Harry Potter e a Ordem da Fênix”, quando a mesma possuía apenas 16 anos e começava a enfrentar os típicos problemas da adolescência.

Rupert compartilhou o sentimento da companheira de cena, e afirmou que já pensou em deixar de interpretar Ron Weasley. “Eu também tive sentimentos parecidos com os de Emma, ​​pensando em como seria a vida se eu encerrasse um dia. Nós nunca falamos realmente sobre isso. Acho que estávamos passando por isso no nosso próprio ritmo, estávamos meio que no momento. Simplesmente não nos ocorreu que provavelmente todos nós tínhamos sentimentos semelhantes”, comentou Grint.

Nos bastidores, o medo de um dos protagonistas — especialmente Emma — se tornou um medo real entre a direção, e a situação também foi relembrada pelo diretor dos quatro últimos filmes, David Yates. “Uma coisa que David [Heyman] e o estúdio falaram comigo foi que Emma não tinha certeza se queria voltar para fazer outro Potter”.

“Harry Potter: De Volta a Hogwarts” estreia no dia 1º de janeiro, exclusivamente do HBO Max. Confira o trailer!