Recreio
Entretenimento / Quadrinhos

Criadora de Yara Flor, a Mulher-Maravilha brasileira, revela novidades sobre a criação da personagem

Durante a edição da CCXP deste ano, Joëlle Jones comentou um pouco mais sobre as influências brasileiras na nova heroína. Confira!

Redação Publicado em 07/12/2020, às 17h27 - Atualizado às 17h35

Yara Flor, a nova Mulher-Maravilha brasileira da DC Comics - Divulgação/DC Comics
Yara Flor, a nova Mulher-Maravilha brasileira da DC Comics - Divulgação/DC Comics

Durante a CCXP Worlds deste ano, o painel voltado para os quadrinhos contou com a incrível participação de Joëlle Jones, a quadrinista responsável por criar Yara Flor, a Mulher-Maravilha brasileira da DC Future State. Durante o evento, a autora revelou alguns detalhes sobre a nova personagem, onde afirmou que a sua visita ao Brasil foi extremamente importante para a criação da heroína.

“Ela é uma forasteira. Não cresceu em Themyscira ou com a tribo das Amazonas, então ela é mais mortal que qualquer outra. Abordei ela experimentando esse mundo novo e tentando fazer jus à mitologia”, comentou Joëlle sobre as características de Yara.

Em entrevista ao portal Omelete, a artista revelou de forma mais detalhada como o Brasil acabou influenciado em seu processo de criação, “Não quero contar muito sobre os rumos da pesquisa porque não quero revelar a história de origem dela, mas sim, houve muita pesquisa sobre mitologia, e estou gostando muito. Muita coisa é em português, então tive que aprender um pouco da língua”.

yara flor
Yara Flor para os quadrinhos DC Future States / Crédito: Divulgação/DC Comics

“Por exemplo, no Future State eu uso a Caipora. É um pouco estressante... Não estou tentando reinventá-la, mas estou tentando dar o meu toque e ainda respeitar o que veio antes. É um equilíbrio delicado, mas tenho pedido ajuda a alguns artistas brasileiros, para me guiarem e dizerem se estou indo na direção certa, e pedido conselhos sobre muitos elementos da história e da arte”, completou a autora.

Além disso, Joëlle afirmou que conta com a ajuda de uma quadrinista brasileira, a Bilquis Evely, que já trabalhou com projetos relacionados a Mulher-Maravilha, e agora está auxiliando Jones em sua pesquisa sobre o clima político e social do País, respondendo todas as suas perguntas através de e-mail.

Atualmente, Yara Flor já tem até uma série confirmada pela CW, onde levará o título de Wonder Girl, e ainda não possui previsão de estreia. Nos quadrinhos, ela aparecerá nas HQs do DC Future States, previstos para serem publicados já no próximo ano.


+Saiba mais sobre a DC por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Dc. A Nova Fronteira, de Darwyn Cooke (2018) - https://amzn.to/3cntDFH

Ponto de Ignição - Dc Graphic Novels, de Vários Autores (2018) - https://amzn.to/2zdgCQj

DC Graphic Novels. A Morte do Superman, de Eaglemoss (2016) - https://amzn.to/2W9fBS2

Lendas Do Universo Dc: Quarto Mundo Vol. 2, de Jack Kirby (2019) - https://amzn.to/2WcPJ8a

Crise nas Infinitas Terras, de Marv Wolfman (2018) - https://amzn.to/2WwbUoJ

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Recreio pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/3doipA

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2WBSheM