Recreio
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio
Corpo Humano / Corpo Humano

Para que serve o umbigo?

Entenda qual é a função dessa cicatriz, que surge no momento do nascimento

Débora Zanelato Publicado em 22/06/2020, às 10h00 - Atualizado em 08/04/2022, às 12h00

Imagem ilustrativa de um umbigo - Pixabay
Imagem ilustrativa de um umbigo - Pixabay

O umbigo não tem nenhuma função no nosso corpo. Ele é apenas uma cicatriz que surge no momento do nosso nascimento. A culpa é do cordão umbilical, anexo do corpo quce permite a comunicação entre o feto e a placenta.

Durante a gestação, a placenta envolve o bebê. Esse órgão está grudado ao útero da mãe e o cordão umbilical liga a barriga à placenta.

Dentro do cordão há uma artéria e duas veias. A artéria leva até o feto sangue oxigenado e carregado de nutrientes para que ele cresça. As veias levam o sangue do bebê de volta para a placenta. Há também o úraco, um canal que liga à bexiga. A fonte de alimentação do bebê é o que a mãe come.

No dia do nascimento, o cordão umbilical é rompido. O corte é feito a aproximadamente 5 centímetros de distância da barriga e ali é colocado um grampo para evitar a passagem do sangue.

O bebê fica com um pequeno pedaço do cordão por até 20 dias. Como não passa mais sangue por alí, aos pouco o cordão seca, escurece e se desprende do corpo. No lugar, fica uma cicatriz — o umbigo!

Já reparou que há diferentes tipos de umbigo? Alguns são bem fundos, outros mais para fora. Não há uma justificativa para isso — é apenas uma questão de cicatrização, que varia conforme o organismo de cada um.