Recreio
Ciência / Energia

Quais são as principais fontes de energia?

A Terra tem diversos tipos de fontes de energia, que podem ser renováveis ou não renováveis. Entenda!

Letícia Yazbek Publicado em 15/01/2022, às 09h00

Imagem ilustrativa de uma usina hidrelétrica - Pixabay
Imagem ilustrativa de uma usina hidrelétrica - Pixabay

Renováveis

Força da água

A energia hidroelétrica usa o movimento das águas: é necessário construir usinas em rios que tenham bastante volume de água. Aí, o líquido passa por tubulações com muita força e velocidade, movimentando as turbinas e produzindo energia mecânica. As turbinas estão conectadas a um gerador, responsável pela transformação da energia mecânica em elétrica. Cerca de 70% da energia elétrica produzida no Brasil vem dessas usinas.

Apesar de ser renovável, a energia hidroelétrica depende do abastecimento de água e pode ter problemas durante períodos de falta de chuva.

Raio de sol

Transformar a radiação solar emitida sobre a Terra em energia elétrica ou térmica é o que faz a energia solar. Como o planeta recebe uma grande quantidade de radiação todos os dias, essa fonte é uma opção potente! Há duas formas de usá-la: a fotovoltaica, em que placas transformam a radiação solar em energia elétrica; e a térmica, que aquece a água e o ambiente e é aplicada em casas. Nosso país tem poucos equipamentos para isso.

Ventania!

A força dos ventos também produz a energia eólica. As usinas são formadas por grandes cataventos instalados em áreas abertas onde a movimentação das massas de ar é intensa e constante durante o ano. Os ventos giram as hélices dos cataventos, que movem as turbinas e acionam os geradores. No total, há 242 usinas eólicas instaladas no Brasil. A maior delas é o Complexo Eólico Alto Sertão I, no semiárido baiano.

Tudo orgânico

Já ouviu falar de energia de biomassa? Ela é gerada a partir da queima de materiais orgânicos (tudo o que teve vida é orgânico): lenha, bagaço de cana-de-açúcar, resíduos florestais, resíduos agrícolas, casca de arroz e até excrementos de animais. A bioenergia pode ser convertida em eletricidade, calor e combustível. Nessa área, o Brasil produz etanol, biocombustível feito a partir da cana.

Não renováveis

Reação atômica

A energia nuclear é obtida por meio da fissão do núcleo do átomo de elementos químicos radiativos, como o Urânio enriquecido. Na fissão, o núcleo é separado do átomo e dividido em dois átomos menores. Esse processo libera uma grande quantidade de energia, que aquece a água e movimenta um gerador. Existem desvantagens, como riscos para o ambiente e para as pessoas em caso de acidentes. Nosso país tem uma central nuclear em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.  

Debaixo da terra

Entre os chamados combustíveis fósseis (formados por processos naturais), os mais usados hoje são o petróleo e o gás natural. Os dois surgem da transformação da matéria orgânica acumulada por milhões de anos nos poros das rochas. Depois de extraído, o petróleo é refinado e dá origem, por exemplo, à gasolina. O gás natural é mais aplicado no setor de energia elétrica. O Brasil possui grandes reservas nos depósitos do pré-sal (região litorânea), ricos em petróleo e em gás natural.



Consultoria: André O. Sawakuchi (professor do Instituto de Geociências da USP), Maria das Graças de Lima (professora do Departamento de Geografia da UEM) e Tiago D. Vieira (geocientista e educador socioambiental do Instituto de Geociências da USP).