Curiosidades

Por que morcegos não gostam de luz?

Desvende essa história

Isso é um mito! Os morcegos não têm fotofobia (medo de luz). O que acontece é que esses animais possuem hábitos noturnos. Assim, só vão atrás de comida, quando são vistos pelos seres humanos, à noite.

Por causa disso, a visão dos morcegos se adapta melhor ao escuro, apesar de eles usarem principalmente a ecolocalização: uma forma de se localizar no ambiente por meio de um som e do eco que ele produz ao bater nos objetos.

E sabia que existem mais de mil espécies de morcegos com diferentes cores (variam entre cinza, acobreado, marrom e preto), tamanhos e pesos? Confira mais curiosidades sobre eles!

Asas
Medem de 15 centímetros a 1,5 metro (quando abertas)! Elas são formadas por finas membranas, que se estendem dos braços até as pernas – além de conectar os dedos.

Moradores do mundo
Esses animais se adaptam a diversas condições climáticas. Por isso, habitam grande parte do planeta, principalmente os trópicos, onde sempre há comida – só não estão nas regiões muito frias. Eles gostam de descansar em lugares quentes, escuros e úmidos, como cavernas, buracos de árvores e sótãos de casas. Alguns podem dormir em árvores ou rochas.

Em grupo

A maior parte das espécies vive em colônias, que podem ter de milhares a milhões de animais. Mas os morcegos não são fiéis a um único grupo durante a vida. A maior colônia fica na caverna de Bracken Bat, perto da cidade de San Antonio, no Texas (Estados Unidos). O lugar abriga mais de 20 milhões de morcegos, que, juntos, consomem 250 toneladas de insetos em uma noite!

Reprodução
Quando o nascimento dos filhotes está próximo, as fêmeas se concentram em um mesmo abrigo, onde ficam juntas até que os pequenos cresçam e possam buscar o próprio alimento.

Bichos do bem!
Os morcegos são muito importantes para o ambiente: as espécies que se alimentam de frutas ajudam a espalhar sementes pelas florestas, garantindo que novas plantas cresçam; o cocô desse animal funciona como adubo; e ainda há espécies que ajudam a equilibrar a população de insetos, ratos e a controlar pragas na agricultura.

Sono e voo

Animais noturnos, eles dormem durante o dia, pendurados pelos pés, de cabeça para baixo. A posição ajuda a poupar energia durante a decolagem para o voo: de ponta-cabeça, basta soltar o corpo e dar um impulso. Cerca de uma hora antes do pôr do sol, os morcegos saem do abrigo, formando uma grande espiral no ar (isso evita colisões durante o voo), e se dividem em pequenos grupos para buscar alimento.

Alimentação
O que eles comem varia de acordo com a espécie. Algumas preferem frutas e folhas, outras se alimentam de insetos, peixes, aranhas e pequenos roedores. Há as que bebem o néctar das flores, além de três espécies (moradoras das Américas do Sul e Central) que se alimentam do sangue de outros animais. 


Consultoria:
Guilherme Domenichelli (biólogo e autor dos livros Girafa Tem Torcicolo? e O Resgate da Tartaruga - Panda Books) e Leandro Alcerito Antunes Roque (professor de Ciências e Biologia).



12/07/2017 - 10:30

Assine Recreio e receba todo mês na sua casa! Clique Aqui