Curiosidades

O que é miragem?

Abra bem os olhos!

Miragens não são coisa de filme! Elas podem mesmo surgir nos desertos. Normalmente, ocorrem em quem está fraco depois de vários dias sem água e sem comida. E aí que o cérebro idealiza cenas conhecidas, como um copo com água, e as identifica como reais.

Existe também a miragem que é uma ilusão de ótica: o ar muito quente do deserto, junto com a areia, vira uma espécie de espelho e reflete objetos distantes, como um cacto.

Mas tem muito mais do que essas ilusões em um deserto!

O que é um deserto?
Para que uma área seja considerada um deserto, ela precisa de, ao menos, dois elementos: solo arenoso e clima seco (com pouquíssima chuva durante longos períodos).

A vida num deserto não é nada fácil! Durante o dia, o calor pode passar dos 40 graus Celsius. À noite, os termômetros chegam a até 15 graus Celsius negativos. Tudo porque o ar dos desertos, com baixa umidade, não segura o calor recebido durante o dia.

Mesmo com o clima extremo e a pouca de água, muitos bichos vivem nesse bioma. Por exemplo: raposas, morcegos, cobras e roedores, que só costumam sair das tocas à note, quando temperatura cai.

E sabia que os urubus-de-cabeça-vermelha, habitantes de desertos norte-americanos, fazem xixi nas próprias pernas para se refrescarem?

Tipos diferentes
Ao redor do planeta, os desertos têm características distintas. Existem os tropicais, como o Saara (África) e o Atacama (Chile), quentes e secos na maior parte do ano, com poucas plantas (arbustos e vegetação rasteira). Já os temperados têm um pouco mais de chuva, como o Deserto da Grande Bacia, nos Estados Unidos. E ainda existem os frios, como o deserto de Gobi (China) onde o inverno é rigoroso, esquenta no verão e há pouca chuva.

Saara
Em árabe, essa palavra quer dizer deserto – este é o maior do mundo, com extensão de cerca de 9,3 milhões de quilômetros quadrados (um pouco mais do que o tamanho do Brasil).

Oásis existem?
Ventos e tempestades de areia podem escavar áreas nos desertos onde existe um lençol de água subterrâneo perto do solo. Aí, por fendas, o líquido chega à superfície, formando lagoas – sãos os oásis!

Planta sobrevivente

Sabe como um cacto aguenta viver nesses lugares secos? Ele tem estratégias incríveis! Por exemplo: o caule funciona como um reservatório de água e é revestido com um tipo de cera – ela evita que o líquido armazenado evapore; os espinhos são folhas modificadas e ajudam na redução da perda de água. 

Poucos pingos
No deserto do Atacama (Chile) existe um lugar, ao norte, onde quase nunca chove. São os 200 quilômetros mais áridos do planeta! O céu na região é tão limpo que virou ponto de observação para astrônomos do mundo inteiro.

Habitantes humanos
Um povo nômade vive nos desertos do Oriente Médio e do norte da África. São os beduínos! Eles moram em tendas esticadas sobre estacas da madeira, que podem ser montadas e desmontadas. Assim, viajam pelas areias e sobrevivem da criação de animais, como cabras.


Consultoria:
João C. Nucci e Wilson Flávio F. Roseghini (professores do Departamento de Geografia da UFPR), Maria Rita Souza (psicóloga), Nelson Rego (professor do Departamento da UFRGS) e Pedro P. Pinto Maia Filho (mestre em geografia pela UFF).


30/07/2017 - 09:30

Assine Recreio e receba todo mês na sua casa! Clique Aqui